As pessoas que fazem o seu mundo bonito são aquelas que permanecem. Por outras palavras, aquelas que nos consolam, nos fazem sorrir, ajudam-nos a manter forte diante da vida. Com eles, os relacionamentos são sólidos, consistentes e leais.

As pessoas bonitas são as sinceras, as que apertam a mão e quando olha nos olhos, atinge o coração. Apenas a presença nos anima, porque nos respeitam, porque não nos julgam e porque mostram sempre os seus rostos sinceros.

É POR ISSO QUE ELAS SÃO AS PESSOAS QUE FAZEM O NOSSO MUNDO BONITO.

“Tenha cuidado e não os perca, não os deixe sair, não os jogue fora da sua vida, não cometa o erro de abandoná-los quando algo o atormenta ou quando eles precisam de você.” Permanecer, perdoar e esquecer.

Existem pessoas que amamos. Não é por nada em particular, mas porque nos oferecem confiança e serenidade. São relacionamentos que são cultivados em pequenos detalhes, sinceros e verdadeiros. São aqueles que podem ser alimentados com olhares de cumplicidade e pequenos gestos, pois cada detalhe torna-se um ótimo trabalho.

Esses sentimentos tendem a ser recíprocos e existem certas regras não escritas que prevalecem entre eles. No entanto, muitas vezes esquecemos que o “eu amo-te” também deve ser pronunciado e que a gratidão é o melhor aliado para a alma.

“No final, você percebe que o pequeno é sempre mais importante. As conversas às três da manhã, os sorrisos espontâneos, as fotos desastrosas que o fazem rir em voz alta, os poemas de dez palavras que lhe trazem uma lágrima. Os livros que ninguém mais conhece e se tornam seus preferidos, uma flor que você coloca no seu cabelo, um café que você toma sozinho… É isso que realmente vale a pena; as pequenas coisas que causam emoções gigantescas”. Entre letras e cafeína

Por isso, muitas vezes negligenciamos algo tão importante e vital quanto a demonstração de afeto e atenção às necessidades emocionais de nossos parceiros nessa dança da vida.

O QUE É NEGLIGENCIADO, É PERDIDO

Dizem que o amor dura enquanto cuidamos dele e cuidamos dele tanto quanto quisermos. Assim, apesar de sermos humanos e às vezes cometemos erros que podem levar a mal-entendidos em relação ao nosso carinho, a verdade é que não podemos permitir que pessoas valiosas escapem.

Infelizmente, é comum ignorarmos pessoas importantes por pura ociosidade, falta de tempo ou um certo desinteresse tingido de egoísmo. Muitas vezes cometemos o erro de não dedicar o tempo necessário para “demonstrar” a essas pessoas o quanto elas são importantes.

Então, também é provável que em algum momento nós sentimos que alguém nos deixa de lado e ficamos loucos a tentar entender o que está acontecer. Esse sofrimento é desnecessário e podemos evitá-lo de várias maneiras. Vamos ver alguns:

  • Geralmente é suficiente com palavras que o fazem entender que ausência ou distância nunca significam esquecimento e que, apesar do “abandono temporário”, a presença permanece.
  • Mesmo assim, mostrar a alguém que nos importamos é algo que leva tempo e deve ser construído com cuidado especial, na medida em que a relação é saudável e está longe de dependências e excessos emocionais.

Todo tijolo deve ser feito com a máxima sinceridade; Isto é sem egoísmo ou segundas intenções. Então, temos que ter em mente que não devemos criar necessidades.

ISTO É CONSEGUIDO ATRAVÉS DA COMUNICAÇÃO E A EXPRESSÃO SINCERA DOS NOSSOS PENSAMENTOS E SENTIMENTOS.

Como é natural, devemos sempre fazê-lo declarando que somos nós que nos sentimos assim, não a pessoa à nossa frente que é responsável pelo desconforto ou mesmo pelo bem-estar.

Isto é, se você se sentir desconfortável, deve deixar claro que a culpa não é do outro, mas sim que os problemas são sempre a dois. Isso ajudará a relação não criar um clima de gelo desnecessário e vai basear-se na confiança e sinceridade.

– As relações precisam de tempo e experiências para nutrir, sustentar e crescer. Se pararmos de gastar tempo, mostraremos falta de interesse e, consequentemente, afastaremos essas pessoas essenciais.

“Nós não podemos escapar daqueles que fazem o nosso mundo belo. Com eles podemos ser nós próprios em toda a nossa essência e com total liberdade, o que é algo tão magnífico como incomum. Portanto, cuidado! Enriqueça as suas relações, e sempre o faça com a sinceridade mais absoluta”.


Via: Mulher Contemporânea

COMPARTILHAR
Paradigma Feminino
Paradigma Feminino é o portal para a mulher moderna multitasking diária e diva nos seus momentos eu!

RECOMENDAMOS


COMENTÁRIOS